A oportunidade perdida que nunca chegou a ser

Paulo Portas há muito que esperava por um momento como este que se vive hoje no PSD. Afinal, muitos dos que abominam Menezes rejeitam igualmente votar em Sócrates, para não falar da esquerda dos extremos. O problema de Portas é que talvez nunca tenha contado com os seus próprios apuros. Portanto, não chega a ser uma oportunidade perdida.
publicado por Miguel Morgado às 01:24 | comentar | partilhar