Vibrações (é tudo copy paste, e podem cotejar pelo link em baixo)


Excertos:

O projecto Europeu padece de essência – solidariedade e união.

Onde pára Joseph Stiglitz?

Enquanto a desgraça da Grécia faz corar o Olimpo e o FMI começa a desenhar mais um brilhante plano de auxílio, a UE deixa-se a nu: não é unida, não partilha qualquer esboço de interesse comum, é um mercado livre de valor reforçado e uma união monetária que dá jeito.

A estabilidade monetária, o sangue do sistema económico alemão, está hemofílica, e esbarra na irresponsabilidade francesa.

Ou nos unimos e somos Europa, ou desligamos a tomada do sonho mítico da regulação.

Marta Rebelo, hoje, no Económico.
publicado por Jorge Costa às 14:41 | comentar | partilhar