PS de novo arguido


Em Abrantes, nada será como dantes. E o PS, em coerência com o seu discurso do passado, terá que retirar a confiança política ao seu Presidente da Câmara - posição com que, aliás, também discordo.
publicado por Filipe Anacoreta Correia às 16:49 | partilhar