Será do ar?...

Parece que sempre que um ministro deste Governo vai a um encontro da Ordem dos Economistas, acaba a dizer disparates. Há semanas foi Mário Lino, com o "deserto da margem Sul" e aquela inacreditável comparação jocosa (!) com um doente canceroso. Hoje (na verdade, ontem, que já é Quinta) foi lá Correia de Campos.
O que terá sido desta vez, meu Deus?... Ouvi há pouco na tsf... Gracejando, o ministro da Saúde propôs, gracejando, repito, que os medicamentos já fora de prazo fossem distribuídos pelos pobres [sic!].
Um brincalhão.
Mas o que lhes farão naqueles encontros? Porque será que saem sempre barbaridades ali? Será da comida? Dos vapores do álcool? Fumos ilícitos? Será do ar?...
publicado por Carlos Botelho às 01:34 | partilhar