Uma péssima ideia (2)

Ex-chefes de Estado e de Governo, incluindo Sampaio, defendem “new deal” europeu

 

O mito do "New Deal" continua a excitar os socialistas de todos os partidos. Que o original tenha prolongado a recessão dos anos 30 é coisa que não os parece incomodar. A ideia torna-se ainda mais ridicula porquesurge numa altura que os americanos reconhecem que os 2 biliões de USD (2 trilões na versão americana) injectados na economia não tiveram grande impacto.

 

Ainda assim gostava de saber qual seria no caso português o "programa de investimentos (...) para dinamizar as economias". Mais SCUT's? Uma quarta (e porque não também uma quinta) auto-estrada Lisboa-Porto? Duas (três!) linhas de TGV? Mais estádios? A re-renovação do renovado parque escolar? Enfim, a continuação dos desastrosos "investimentos" da última década cuja factura começamos agora a pagar.

publicado por Miguel Noronha às 21:27 | partilhar