The green jobs fiasco III

Infelizmente para nós, nem só nos Estados Unidos, a aposta propagandística nos "empregos verdes" se revelaram um verdadeiro fracasso. Depois das baterias dos carrinhos eléctricos de Sócrates terem voado para longe do país e de notícias difíceis para os entusiastas das "energias verdes" a qualquer preço, parece que Portugal começa a conhecer agora a verdadeira extensão da fraude que foi o milagre prometido por anteriores governantes. Espera-se é que o governo actual reveja as apostas ruinosas que o executivo de Sócrates fez nas energias renováveis, desperdiçando o dinheiro dos contribuintes em projectos megalómanos.

publicado por Nuno Gouveia às 01:33editado por Paulo Marcelo às 10:23 | partilhar