A Parque Escolar foi uma festa* (1)

(clique para ver melhor)

 

Apesar do PEC 2010-2013 definir limites ao crescimento do endividamento das empresas do SEE, para aquele período, a PE foi isentada de cumprir o limite de 7%, tendo o seu “stock de endividamento financeiro a observar” no final de 2010 sido fixado nos 542M€, por forma a “não comprometer fundos comunitários e financiamento do Banco Europeu de Investimento”. No entanto, o endividamento bancário da PE no final de 2010 foi de 665,9M€, ou seja, mais 22,9% do que o limite fixado. Se o valor fixado já representava um crescimento de 290,5%, face a 2009, o endividamento efetivo equivale a um aumento no stock da dívida de mais 379,8%. (relatório Tribunal de Contas)

 

* frase da autoria de Maria de Lurdes Rodrigues, a 10 de Abril de 2012, em audição parlamentar.

publicado por Alexandre Homem Cristo às 10:00 | partilhar