Vergonha (2)

 

O Sporting continua a surpreender-me. Depois das notícias sobre o caso rocambolesco que associava Paulo Pereira Cristóvão a um depósito de 2 mil euros na conta do árbitro José Cardinal, que motivou a suspensão do dirigente do Sporting, eis que o Conselho Directivo, após ouvir em reunião Paulo Pereira Cristóvão, decide que o senhor deve reassumir as suas funções, retirando assim o pedido de suspensão do mandato. Não sei o que se passou ou foi dito na reunião, mas desconfio que a coisa não terá sido bonita. Fica a suspeita de que Paulo Pereira Cristóvão poderá ter dito qualquer coisa como isto: “Ou sou reintegrado ou outras cabeças rolarão.” Infelizmente, o comunicado do Conselho Directivo, porque inócuo, permite todas as suspeitas. Pelo caminho, o comunicado apela à união de todos os sportinguistas e ao apoio nos próximos desafios do Clube. Não sei exactamente quais os "desafios do Clube" que a Direcção tem em mente no comunicado. Para mim, o maior desafio que o Sporting enfrenta neste momento é mesmo o do caso que hoje envergonha todos os sportinguistas. Face a este caso, a meia-final com o Bilbao ou o jogo no Jamor com a Académica é de somenos. Ainda espero, embora já com pouca fé, que a Direcção do Sporting consiga estar à altura das suas responsabilidades.

publicado por Nuno Lobo às 14:40 | partilhar