Fatalmente

A deliberação da ERC sobre o "caso Relvas" não deu por provadas as pressões do Ministro ao Público, mas acha mal que ele se tenha exaltado quando telefonou para lá.

Por três vezes.

Enfim...

O desfecho era tão previsível que foi antecipado, quase palavra por palavra, aqui. E também aqui, com menos graça e acerto.

É uma das muitas vantagens da hipocrisia: poupa-nos a surpresas.  

publicado por Pedro Picoito às 16:52 | partilhar