Lusosofia

A expressão lusosofia apontaria para uma sabedoria lusa, uma filosofia “produzida” em Portugal. A verdade é que os nossos “filósofos” escrevem pouco, publicam pouco (e nunca escrevem ou publicam uma obra original de fôlego). Mas faz-se o que se pode. Na Beira Interior, um grupo de professores de filosofia fundou uma Biblioteca On-Line de Filosofia: um “repositório de textos selectos em língua portuguesa (...) vertidos (sempre que possível) a partir das línguas originais”. Vale a pena consultar e seleccionar aqueles textos que nos interessam mais. Mas também há um ou outro texto português original. Chamou-me à atenção um de Alexandre Franco de Sá, “Heidegger e a Essência da Universidade”, com cerca de 40 páginas. Vou imprimir e ler (se tiver oportunidade, voltarei aqui para o discutir).
publicado por Nuno Lobo às 14:17 | partilhar