A Nova Europa

Esther Mucznik, no Público de hoje, cita Tarik Ramadan, para quem urge "mudar a história oficial" europeia, no sentido de construir um novo "eu" europeu. Acrescenta Mucznik:
Que história quer Tarik Ramadan mudar? A tradição judaico-cristã europeia? O papel determinante do cristinianismo na transmissão do legado clássico e o seu papel integrador da civilização ocidental? O reconhecimento do Holocausto como elemento fundador da Europa em que vivemos hoje? Um futuro comum é possível e desejável. Mas com base na aceitação desse passado histórico que fez da Europa o que ela é hoje.
publicado por Joana Alarcão às 15:34 | comentar | partilhar