Falta de

Estas gracinhas do primeiro-ministro com uns microfones revelam muito bem (para mais sabendo-se o que sabemos hoje e ao mesmo tempo em que se ia sabendo mais) o descaramento, a falta de vergonha da personagem.
E, como é da praxe, há sempre uns cortesãos de riso pronto ao “humor” do senhor primeiro-ministro.
publicado por Carlos Botelho às 16:15 | partilhar