Newspeak de Menezes

«O Governo do PSD faria de forma diferente, não fecharia urgências que no quotidiano as pessoas sentissem a falta delas», sublinhou Luís Filipe Menezes (DN, 4.1.2007).
.
É impressão minha ou «forma diferente», na Newspeak de Menezes, é um sinónimo de «não faria nada»?
Alguém conhece serviços de urgência dos quais as pessoas não sintam falta? Onde?
Mais. É esse o critério que deve orientar uma política de Saúde escorreita?
publicado por Joana Alarcão às 11:18 | comentar | partilhar