Vítimas da noite

Logo no discurso de vitória de Menezes, a segunda vítima da noite foi a língua portuguesa.
A primeira já tinha sido o PSD.
publicado por Carlos Botelho às 11:47 | partilhar