Ainda a Deselitização

Uma sociedade moderna, rica e ágil gera fenómenos como Michael Bloomberg, possibilitando a alguém que cresceu nos subúrbios do Boston (Mystic River) tenha acesso a formação superior, a um mercado de trabalho bem remunerado enquadrado numa estrutura de mercado global ágil e numa cultura de risco, trabalho e mérito. Em que se pode criar um império que se expande e demonstra a sua valia a nível global, bem longe dos arranjos e proteccionismos locais (neste caso inexistentes). E em que se faz isto tudo bem antes de soprar as 60 velas, porque quando se está a chegar perto dos 60 talvez seja a altura para se participar na vida política e ser-se eleito Mayor de Nova Iorque, para continuar gostar do que se faz, ser-se reeleito e ainda estar a tempo de ponderar uma candidatura à Presidência do país.

Um mercado rígido, burocratizado e relativamente pobre será não só mais lento como não conseguirá gerar consistentemente fenómenos como Bloomberg ou outros. É também a natureza do nosso mercado que explica a deselitização que o PPD-PSD vive. Comparativamente a outros e melhores mercados há menos pessoas, há menos dinheiro, há menos tempo.
publicado por Manuel Pinheiro às 14:01 | comentar | partilhar