Cheira a incumprimento

Há uma leve pista no ar, que indica uma hipótese de a Grécia estar a pensar seriamente numa reestruturação da sua dívida. Tal não seria propriamente irracional, como eu já tinha explicado neste artigo.

Esta suspeita decorre do rumor de a Grécia ter, supostamente, contratado o banco de investimento Lazard, que também esteve envolvido em reestruturações de crédito da Argentina, Equador e Costa do Marfim.
publicado por Joana Alarcão às 15:02 | partilhar