O Capitalismo de Estado




O Capitalismo de Estado, que nunca morreu (nem podia), está mais forte do que nunca. Isto apesar de muito boa gente continuar muito preocupada com o "neo-liberalismo". Joe Berardo, e quejandos, sempre de braço dado com o nosso estado na PT ou no BCP, é que parece saber para onde e por onde vai o mundo... A ler, por isso, "The unsettling zeitgeist of state capitalism" no Financial Times.
publicado por Fernando Martins às 18:25 | comentar | ver comentários (3) | partilhar