Metacachimbismo


O camarada Miguel Morgado, aqui em pose distendida, em exclusivo para o Expresso (5.1.2008: 8), lê o último livro de Margarida Rebelo Pinto, Aqui está um frio qu'isto até parece a Gronelândia. O cigarro (e o cachimbo) foi digitalmente apagado numa manobra politicamente correcta.
publicado por Joana Alarcão às 16:41 | comentar | ver comentários (13) | partilhar