Quarta-feira, 16.01.08

Flashback Lusoponte

«A Lusoponte, o concedente e os outros», por João Caetano Dias (Blasfémias, 16.1.2007).
publicado por Joana Alarcão às 20:47 | comentar | partilhar
Terça-feira, 15.01.08

Inibição perpétua?


Não conheço Joaquim Ferreira do Amaral, nem posso dizer que politicamente tenha por ele especial empatia. Evidentemente, Ferreira do Amaral não foi particularmente prudente quando aceitou o cargo de presidente do conselho de administração da Lusoponte. A Lusoponte foi constituída em 1994 e, como todos sabemos, foi Ferreira do Amaral quem negociou, em nome do Estado, a concessão para a exploração das travessias rodoviárias do Tejo: Ponte 25 de Abril e Ponte Vasco da Gama.
Isto dito, convém lembrar que Ferreira do Amaral não saltou do Ministério das Obras Públicas, Transportes e Comunicações directamente para a Lusoponte. Pelo meio, entre outras coisas, foi deputado e, mais recentemente, presidente do conselho de administração da GALP. Tanto quanto sei -- alguém que me corrija se estiver errado -- Ferreira do Amaral só assume funções na Lusoponte em 2006, i.e. 12 anos depois do seu envolvimento directo nas negociações de concessão. A ser verdade -- alguém que me corrija se estiver errado -- 12 anos de período de nojo parece-me teoricamente aceitável, ou a inibição deveria ser perpétua?
Repito, Ferreira do Amaral não foi politicamente prudente. A sua imprudência, porém, parece-me ser uma razão insuficiente para colocar em causa, nos termos em que tem sido feito, a sua honorabilidade.
publicado por Joana Alarcão às 16:20 | comentar | ver comentários (6) | partilhar

Cachimbos

O Cachimbo de Magritte é um blogue de comentário político. Ocasionalmente, trata também de coisas sérias. Sabe que a realidade nem sempre é o que parece. Não tem uma ideologia e desconfia de ideologias. Prefere Burke à burqa e Aron aos arianos. Acredita que Portugal é uma teimosia viável e o 11 de Setembro uma vasta conspiração para Mário Soares aparecer na RTP. Não quer o poder, mas já está por tudo. Fuma-se devagar e, ao contrário do que diz o Estado, não provoca impotência.

pesquisa

 

posts recentes

links

Posts mais comentados

últ. comentários

  • ou podre
  • http://fernandovicenteblog.blogspot.pt/2008/07/si-...
  • O pagamento do IVA só no recibo leva a uma menor a...
  • O ranking tal como existe é um dado absoluto. Um r...
  • Só agora dei com este post, fora do tempo.O MEC af...
  • Do not RIP
  • pois
  • A ASAE não tem excessos que devem ser travados. O ...
  • Concordo. Carlos Botelho foi um exemplo de dignida...
  • ou morriam um milhão deles

tags

arquivos

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

2007:

 J F M A M J J A S O N D

2006:

 J F M A M J J A S O N D

subscrever feeds